Zona Azul Eletrônica Mogi das Cruzes

No ano de 2016 a cidade de Mogi recebeu um reajuste nas tarifas da Zona Azul Eletrônica Mogi das Cruzes, o valor pago por uma hora de uso passou de R$1,00 para R$1,50. A vantagem fica por conta dos motoristas que utilizam os meios eletrônicos que poderão optar pelo fracionamento a partir de meia hora em estacionamentos com vagas controladas.

O aumento, segundo informações coletadas da Secretaria Municipal de Transportes, ainda está abaixo da inflação. O valor de R$1,50 já havia sendo praticado em outras cidades do Alto Tietê. Atualmente, Mogi das Cruzes conta com 1.119 vagas monitoradas na região central, e os motoristas ainda podem utilizar os parquímetros instalados com a utilização de moedas ou cartões recarregáveis.

Muitos motoristas não gostaram por serem pegos de surpresa com o aumento e as novas tarifas cobradas para a utilização da Zona Azul Eletrônica Mogi das Cruzes e alegam em vários casos, que em função da mudança, está sendo mais vantajoso pegar um ônibus para cuidar das atividades de seu dia-a-dia. Em entrevista ao G1, Adelcio Antonini destaca que “Desde o início do nosso contrato, em 2008, a tarifa não sofreu nenhum reajuste e nós tivemos a oportunidade de suportar isso em prol dos usuários. Mas nesse momento não teve mais como suportar isso.”

Zona Azul Eletrônica Mogi das Cruzes

Ele também disse que a tendência para a adesão ao aplicativo é mundial, e que facilita bem mais o uso do sistema porque a maioria das pessoas hoje possui celular. Portanto, ele deve ser estimulado e daqui pra frente, e que provavelmente será algo cada vez mais comum e frequente.

Em caso de dúvidas e problemas com a utilização dos aplicativos, sugestões ou reclamações também podem ser feitas através do endereço: Rua Major Pinheiro Franco, 258, no Centro ou pelo telefone: 2668-9894.

Zona Azul Eletrônica Mogi das Cruzes – Aplicativo

A Estapar é responsável pela distribuição de um dos aplicativos oferecidos para o pagamento de tarifas referentes a Zona Azul do município de Mogi das Cruzes. Ao fazer o download e se cadastrar, o usuário deverá fornecer dados como os dígitos da placa do veículo, e-mail e etc. Para finalizar o processo, também é necessário a inclusão de dados do cartão de crédito para a compra dos tíquetes.

Na opção “Regularizar Veículo” o usuário deverá disponibilizar todas as informações solicitadas para a identificação e fiscalização do automóvel. Utilizando a opção “Comprar Créditos” você poderá escolher um valor que pode variar de R$10 a R$200.

Ao estacionar em uma vaga, o usuário deverá selecionar “Utilizar Zona Azul”. Uma nova tela abrirá onde você deverá indicar a placa do veículo utilizado (é possível cadastrar mais de uma placa, caso tenha mais de um veículo). O aplicativo disponibilizará as tarifas do local e o usuário seleciona o tempo desejado de permanência.

O app também pode ser programado para enviar um alerta ao usuário para avisá-lo de que os seus créditos estão prestes a expirar. Com a utilização do aplicativo, torna-se obsoleto o posicionamento de comprovantes no painel do veículo. Se caso o motorista precisar de mais tempo, ele pode optar por fazer as recargas à distância, não precisando retornar ao local da vaga para a tarefa.

Um recurso muito interessante disponível no Vaga Inteligente permite marcar a localização do seu veículo  para encontrá-lo mais facilmente através da função Google Walk. Você pode utilizar o site para fazer o controle de seus gastos pelo “Extrato”.

Dentre os recursos oferecidos pelo aplicativo Vaga Inteligente estão:

  • Pagar, renovar e regularizar seu tíquete via celular;
  • Controlar com precisão o tempo estacionado na Zona Azul;
  • Consultar toda a disponibilidade de vagas pelos setores nas cidades em que o serviço está disponível.

Você pode optar por fazer o download através da Google Play ou se preferir da Apple Store, dependendo do tipo de sistema que seu Smartphone opera. O aplicativo é distribuído gratuitamente.


Zona Azul Eletrônica CET

Já implantado anteriormente em outras cidades, o sistema de Zona Azul Eletrônica tem sido uma boa forma de modernizar e também melhorar o fluxo do trânsito em vagas de rotatividade. Cidades como Piracicaba, Guarulhos, e muitas outras do interior de SP já vinham utilizando o novo sistema que chegou recentemente a capital paulista.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) aprovou três aplicativos para auxiliar motoristas que estão buscando pelo novo sistema de Zona Azul Eletrônica em São Paulo que atende a quase 40 mil vagas rotativas. A cobrança por meio eletrônico foi aprovada e publicada no Diário Oficial do Estado de SP.

Zona Azul Eletrônica CET

Esses aplicativos trarão muito mais comodidade aos condutores e têm a função de evitar transtornos com a recarga de créditos e dificuldades na impressão do comprovante. A Zona Azul Eletrônica também foi implantada com o intuito de reduzir as fraudes com falsificação e comércio ilegal de cartões.

Sobre os aplicativos da Zona Azul Eletrônica CET

Os aplicativos lançados até o momento são: Estacionamento Eletrônico e Digipare, que são atendem usuários do sistema Android; Vaga Inteligente, destinado a usuários do sistema Android e iOS. Para utilizá-los é bem simples, basta que o usuário faça o seu login disponibilizando dados como CPF/CNPJ, senha e dados cadastrais incluindo a placa do veículo. Um mesmo usuário pode fazer o cadastro de várias placas.

Ao estacionar em uma vaga, o usuário precisa informar ao sistema qual a placa do veículo correspondente e o tempo que deseja adquirir. Atualmente é vendido um pacote com 10 créditos por R$45,00, mas também pode optar pela compra individual no valor de R$5 por período, neste caso o valor dá direito de 30 minutos a duas horas dependendo do local.

A medida que o seu crédito expira, você pode optar por adquirir mais deles à distância, sem precisar retornar a vaga para fazê-lo. Os aplicativos também podem ser programados para emitir um alerta quando isto estiver prestes a acontecer, assim você saberá a hora certa para recarregar.

Os agentes contam com equipamentos para fiscalização que permitem verificar o registro digital do veículo estacionado. Dessa forma é possível saber se a condição do mesmo é regular ou se há alguma pendência. Caso o motorista esteja estacionado irregularmente, ele será autuado e isso poderá contar pontos na carteira. Se o sistema, por algum motivo, não estiver disponível naquele momento, o agente também pode ligar para o número 1188 e fazer a averiguação.

Existem planos para uma segunda etapa para a prefeitura de São Paulo para a implantação de pontos de venda e a compra de créditos em bancas de jornal. Dessa forma o usuário não precisa dispor de um celular com acesso à internet para realizar as suas compras, bastando apenas ir até um desses locais e informar a placa do veículo estacionado e o tempo que deseja comprar.

Mesmo com a adesão a forma digital, os talões de papel ainda continuam valendo em toda a cidade, e não há previsão para descontinuá-los. Dessa forma, quem ainda tem preferência por esse sistema, pode continuar utilizando-o normalmente. Inicialmente o sistema operou com alguns problemas nos aplicativos, mas somente no primeiro dia, foram vendidos mais de 7.000 tíquetes para o uso da Zona Azul Eletrônica em São Paulo, estima-se de que desses pouco mais de 1.100 foram utilizados. Esses dados foram revelados pela própria CET.

Zona Azul Eletrônica CET – Mais Informações

Para maiores informações sobre o funcionamento dos apps, ou para tirar as suas dúvidas, acesse o site oficial da CET através do link: http://www.cetsp.com.br/. Lá você encontra o link de todos eles para downloads e ainda pode se informar melhor sobre o novo sistema através da área destinada exclusivamente para responder as questões mais frequentes dos novos usuários.

E você, já fez o uso do novo sistema digital na cidade de São Paulo? Compartilhe as suas experiências e diga-nos o que está achando e como a novidade vem atendendo as suas necessidades.

publicidade

Zona Azul Eletrônica SP

No dia 11/07 um novo sistema de Zona Azul passou a valer em São Paulo. Conhecido como Zona Azul Eletrônica, já havia sido implantado em várias cidades do interior e agora chega a capital paulista, com alguns problemas no início, mas passando por adaptações para atender as necessidades da cidade.

São Paulo possui cerca de 40 mil vagas rotativas, administrar tudo isso é muito complicado, com o novo sistema, além de tornar a tarefa mais rápida e eficaz, o condutor ainda sai ganhando pela praticidade de poder adquirir os seus créditos à distância e sem a necessidade de retornar a vaga caso precise de mais tempo no local.

publicidade

zona azul eletronica sp

Zona Azul Eletrônica em SP – Baixe os Aplicativos e consiga pela internet

Com esses aplicativos, agora os condutores de veículos poderão optar por comprar cartões digitais ao invés de fixar o comprovante no pára-brisa do veículo. A prefeitura de São Paulo espera reduzir as fraudes que só em 2015, causaram um prejuízo de mais de 50 milhões.

A ativação deve ser feita informando a placa do veículo, o cadastro de cartão de crédito e a escolha do tempo de permanência na vaga. Apesar da implantação do novo sistema, o preço para o cartão digital continua a ser o mesmo, não houve reajustes sendo que ele custa R$ 5 por período, que pode variar entre 30 minutos e 4 horas – de acordo com o local onde o motorista estacionou – a exemplo do Parque da Aclimação, onde 1 Cartão/CAD é válido para 2 horas e 2 Cartões/CAD para 4 horas; já na na Praça Charles Miller 1 Cartão/CAD é válido para 3 horas e 2 Cartões/CAD para 6 horas, o correto é sempre verificar os indicadores na placa de sinalização para se manter atento aos valores. Também estão sendo comercializados compra com desconto de dez cartões por R$ 45.

Abaixo a lista de aplicativos disponíveis até o momento e seus respectivos links para download:

aplicativo zona azul Para Android:

DigiPare;

Vaga Inteligente;
SP Cartão Azul Digital;

aplicativo zona azul Para iOS:

Vaga Inteligente (em breve os outros aplicativos também serão disponibilizados para iOS)

A prefeitura de São Paulo também planeja melhorar o sistema colocando postos de venda de créditos, ou permitindo que os motoristas façam as suas compras em bancas de jornal. Isso dispensaria o uso do celular para o processo de ativação dos tíquetes digitais. Todos os apps são distribuídos gratuitamente, basta o usuário escolher algum de sua preferência, fazer o download e começar a utilizar.

A partir de agora, a fiscalização também passa a ser digital! Os agentes terão acesso a equipamentos que permitirão verificar a regularidade dos veículos estacionados nas vagas rotativas. Se eles não estiverem de acordo com as exigências, ou não estiverem com créditos expirados poderão ser autuados e ainda ficará sujeito a aplicação de penalidade (multa grave – 5 pontos), além da medida administrativa (guinchamento).

Os trechos são sinalizados com o BOLSÃO CAMINHÃO permitem o estacionamento de caminhão, caminhonete e veículo misto, para isso o motorista deverá utilizar 1 Cartão/CAD para 30 minutos e 2 Cartões/CAD para 1 hora. As informações mais detalhadas estarão indicadas na placa. No caso dos veículos estacionarem fora das vagas do Bolsão Caminhão ou no Bolsão Caminhão da Rua Santa Rosa, o que estará em vigor será a REGRA GERAL (1 Cartão/CAD para 1 hora e 2 Cartões/CAD para 2 horas).

O talão de papel ainda continua valendo como zona azul em sp?

Sim, aqueles que ainda não se adaptaram ao novo sistema, ou preferem continuar utilizando o modelo antigo, poderão consultar os pontos de venda credenciados para adquirirem os seus créditos normalmente. Não existem planos da prefeitura para desabilitá-los.

Um dado importante divulgado pela prefeitura de São Paulo é que a Companhia de Engenharia de Tráfego – CET, não terá responsabilidade indenizatória por acidentes, danos, furtos ou prejuízos que os veículos ou seus proprietários possam ocorrer nas áreas destinadas ao estacionamento Rotativo Zona Azul. Veja algumas das vantagens em utilizar o novo sistema, conforme divulgado pelo site da empresa:

  • Evita fraudes;
  • Dispensa o preenchimento de cartões impresso em papel;
  • Dispensa manter o comprovante de pagamento da tarifa no interior do veículo;
  • Comodidade de utilizar o cartão de crédito como forma de pagamento;
  • Permite a consulta aos números de autenticações de todas as transações.

Zona Azul Eletrônica em São José dos Campos

Há algum tempo que os moradores do município de São José dos Campos já podem utilizar a Zona Azul Eletrônica. A cidade foi contemplada com o recurso que veio para complementar o sistema de pagamentos de tarifas nas áreas demarcadas para o serviço.

Ainda no início deste ano (2016) os moradores foram pegos de surpresa com um reajuste nos valores pagos no percentual de 66%, o preço antigo era de R$1,20 e passou para R$2,00 por hora. A novidade não foi aprovada, entretanto, a justificativa da Secretaria de Transportes é que não há alterações desde o ano de 2006. Também destaca que devido a inflação e em função do reequilíbrio no contrato de concessão, não houve como manter os valores antigos.

zona-azul-eletronica-em-sao-jose-dos-campos

São Paulo também foi beneficiado com a implantação da Zona Azul Eletrônica, e mesmo com os problemas do primeiro dia, mais de 7 mil tíquetes foram vendidos. Todo o sistema tem a dura tarefa de cuidar das quase 40 mil vagas rotativas que estão disponíveis na cidade.

publicidade

O tempo mínimo de permanência nas vagas em São José dos Campos é de 15 minutos, e o máximo é de duas horas. Os aplicativos fornecidos e o sistema do portal de voz são boas alternativas para o motorista que está buscando por mais comodidade na hora de realizar os seus pagamentos. Se você não sabe como utilizá-los, aqui vamos apresentar um tutorial que poderá lhes ajudar.

Zona Azul Eletrônica em São José dos Campos

Antes de iniciar o uso do serviço, a primeira coisa a ser feita é um cadastro no site: www.zae.com.br/sjc. O usuário deverá fornecer alguns dados como placa do veículo, número do celular e e-mail para contato. Através deste site também é possível adquirir os seus créditos e consultar os extratos de movimentação.

Quando o motorista estacionar em uma vaga, ele deverá ligar para o portal de voz através do número: (12) 4003 9893, o endereço WAP também pode ser utilizado para isso: http://www.sjc2.zae.com.br. Se o seu cadastro já está ativo no site, o sistema identificará o usuário pelos dados e oferecerá a ativação do tíquete. Entre essa opção, há outras como consultas a saldos e a possibilidade de alternar entre as placas cadastradas também estão à disposição do usuário, caso haja necessidade. Ao fazer a ativação do tíquete seu veículo já estará regularizado na vaga e você poderá cuidar de seus afazeres.

Toda a fiscalização também é feita de forma eletrônica, os agentes de trânsito têm aparelhos que permitem saber em tempo real, as condições sob qual o veículo está regularizado, se não houve o pagamento da tarifa, neste caso o motorista pode ser autuado e ter até o veículo guinchado.

Ao deixar a vaga, é recomendado fazer a desativação para que a cobrança seja feita em cima do tempo utilizado pela opção correspondente, caso você não desative o tíquete, o valor a debitar será no tempo total do limite de horas.

Para um melhor controle de suas contas, utilize o endereço: www.zae.com.br/sjc onde você pode consultar os seus extratos e movimentações. Desta forma será possível verificar o seu histórico de compras e fazer a emissão de comprovantes, em caso de necessidade.

Há vantagens em usar o sistema digital de Zona Azul de SJC?

Os valores cobrados tanto pelo sistema tradicional, quanto pelo sistema digital são os mesmos, entretanto, o usuário pode se beneficiar com a comodidade que a tecnologia irá lhe fornecer. Você não precisará mais se preocupar em retornar ao veículo para posicionar o comprovante no painel. Os aplicativos também permitem que o usuário faça o pagamento das tarifas utilizando o seu cartão de crédito.

Os tíquetes que estão prestes a vencer podem ser renovados à distância via WAP ou portal de voz. Ao fazer o download dos aplicativos, você ainda pode programar um alerta para lhe avisar quando o seu tempo estiver próximo de expirar.

Aplicativos da Zona Azul Eletrônica SJC para Android e iOS

O usuário pode escolher entre versões de Android e iOS, dependendo do sistema que utiliza e fazer o download do aplicativo correspondente, em ambas as versões você tem as mesmas funções.


Zona Azul Eletrônica Florianópolis

Com um índice de qualidade de vida muito alto, a cidade de Florianópolis conta com uma população em habitantes estimada em 469.690. Pontos importantes para a economia do município estão concentrados em turismo, tecnologia da informação e também nos serviços oferecidos.

No setor de ensino, é lar para Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o Instituto Federal de Santa Catarina e também os campi da Universidade do Estado de Santa Catarina, além de outras instituições de ensino superior e profissional.

Sobre a Zona Azul Eletrônica Florianópolis, ela é atendida pelo sistema fornecido pelo aplicativo Minha Vaga. Neste post você irá encontrar todas as informações de que precisa para aprender a utilizá-lo.

zona-azul-eletronica-florianopolis-1

Zona Azul Eletrônica Florianópolis

O funcionamento da Zona Azul é de Segunda à sexta-feira: das 08:00 às 18:00 e aos sábados das 08:00 às 12:00 horas. Os valores são cobrados por hora, e estão distribuídos da seguinte forma:

  • Moto: R$ 1,00 por hora
  • Carro: R$ 2,00 por hora

– Para iniciar os processos de utilização, primeiramente você precisa criar uma conta no site www.minhavaga.com.br. Em seguida escolha a sua cidade, no caso Florianópolis (será necessário fazer isso apenas na primeira vez que acessar o site);

publicidade

– Clique sobre a opção “Cadastre-se”;

– Nos campos do formulário de cadastro, você deverá fornecer informações como: CPF/CNPJ, nome, e-mail, telefone, e placas (pode cadastrar mais de uma placa, se tiver mais de um veículo utilizando uma única conta);

– A opção “Receber e-mail” permite que o usuário receba mensagens contendo informações e avisos sobre boletos e novidades, ao aceitá-la você concordará com o recebimento destes itens através de sua caixa eletrônica de mensagens;

– Selecione a opção “Eu aceito os termos e condições de uso”;

– Clique em “Salvar”;

– Em seguida um link com a confirmação será enviado em seu e-mail, através dele você poderá criar a sua senha de acesso ao sistema minhavaga.com.br.

Em caso de dúvidas, você pode consultar o vídeo passo-a-passo abaixo:

Aplicativo Minha Vaga?

– Depois de ter feito o download do aplicativo, abra-o e digite os dados para o login e senha de 6 números;

– Pressione a opção “Estacionar”;

– Neste momento a placa referente ao veículo deverá ser indicada. Se ela ainda não foi cadastrada utilize a opção “+” para cadastrar uma nova placa;

– O usuário deverá selecionar o tempo que deseja permanecer na vaga, o limite máximo é de 5 horas na Área Branca e de 2 horas na Área Azul. O tempo não utilizado pode retornar em forma de créditos para a sua conta ao indicar a desocupação do veículo na vaga onde estava estacionado.

– Selecione a opção “Comprar” e “Confirmar Compra”;

– Ao concluir os passos anteriores com êxito, uma mensagem será exibida “Sua compra de período foi concluída com sucesso”. Na parte superior do aplicativo é possível encontrar os dígitos da placa do veículo que está estacionado, assim como o tempo de permanência restante.

– Quando deixar a vaga, você deverá informar no aplicativo utilizando a opção “Sair do Estacionamento”, os valores não utilizados serão reinstituídos a sua conta e ao atualizar a página ele passará a constar em seu saldo. Há um vídeo explicativo que demonstra o passo-a-passo de todos os procedimentos que listamos anteriormente:

Download dos aplicativos

Faça o download do aplicativo para Android através da Google Play;

Para iOS, o aplicativo está disponível através da Apple Store.

Uma versão para Windows Phone está em desenvolvimento, entretanto, ainda não existem informações de quando ela será lançada. Neste caso, a recomendação é que os usuários do Windows Phone utilizem minhavaga.com.br através do navegador do seu telefone. A página se adapta automaticamente para o formato da sua tela, permitindo que a experiência de uso seja muito parecida com quem usa o app instalado no iOS ou Android.


Edital Zona Azul Eletrônica

Com o objetivo de melhorar o sistema e o fluxo de carros, ônibus das cidades grandes, o novo sistema de Zona Azul Eletrônica foi implantado em municípios do interior e na capital paulista, assim também como em outros estados. Por contar com um modelo de fiscalização moderno e formas de pagamento diversas, a tendência é que cada vez mais pessoas se adaptem ao sistema.

Além de todos esses benefícios, o novo modelo também supre algumas deficiências, como a redução nos processos de fraudes ocasionados por serviços superfaturados, dificuldades de se encontrar os pontos de venda e etc. Os preços podem variar muito de cidade para cidade, o ideal é que o motorista que utilize o sistema de Zona Azul verifique no local as tarifas que deve pagar e o tempo máximo de permanência permitido.

edital-zona-azul-eletronica

Zona Azul Eletrônica Edital

edital Zona Azul Eletrônica fornece muitos dados úteis para os usuários que desejam conhecer melhor o sistema como, por exemplo, a sua proposta que é trazer para as cidades no qual foi implementado um conceito de soluções inteligentes para estacionamentos que pode ser utilizado através de aplicativos que permitem fazer a compra e uso de créditos de uma maneira simples e rápida.

Com isso, a fiscalização e controle das vagas também passam a ser mais eficiente. Todos os agentes de trânsito das empresas responsáveis pela distribuição dos aplicativos no município oferecem equipamentos eletrônicos que permitem a verificação das condições de uso das vagas. Além disso, uma gestão bem feita permite a melhoria na oferta das vagas e na fiscalização para evitar defasagens no sistema.

Especialmente para cidades de grande fluxo de veículos e extremamente populosas como São Paulo a nova prática certamente será revertida em benefícios para os seus habitantes. A Zona Azul Eletrônica também permite mais flexibilidade nos preços com tarifas que não poderiam ser encontradas no sistema tradicional por intermédio do fracionamento da hora cobrada.

Zona Azul Eletrônica – Aplicativos mais usados

Estacionamento Eletrônico – Este aplicativo é oferecido pela SERTELL e está disponível para usuários do sistema operacional Android. A forma de recarga de créditos pode ser feita com o uso de cartões de crédito.

DigiPare – O aplicativo DigiPare é simples e intuitivo. Para utilizá-lo o usuário precisa apenas se registrar e fazer a compra de tíquetes digitais através do seu cartão de crédito ou boletos bancários. Os valores que podem ser adquiridos variam de R$10 a R$50.

Vaga Inteligente – Disponível tanto para Android quanto para iOS, o aplicativo atende as mais diferentes cidades brasileiras e possui funções muito interessantes. Com ele você pode marcar o local do seu veículo para localizá-lo mais tarde através de um sistema de GPS, também é possível fazer reservas de vagas em Aeroportos e para jogos e shows em Arenas e Estádios.

Os pagamentos das taxas também podem ser feitos via cartões de crédito, basta cadastrá-lo no aplicativo.

O tutorial para utilizá-lo você encontra no site http://www.estapar.com.br/, você também pode consultar o tutorial que preparamos que contém vídeos exemplificativos e que demonstram passo-a-passo como manuseá-los.

Outra grande vantagem do uso dos aplicativos de Zona Azul Eletrônica é que os usuários podem fazer as suas recargas à distância, permanecendo na vaga por mais tempo do que aquilo que foi planejado inicialmente. Se você possui mais de um carro pode cadastrar para uma mesma conta, várias placas e na hora de estacionar deverá escolher aquela do veículo correspondente.

Vários municípios ainda contam com um portal de voz no qual a ativação dos tíquetes pode ser feita ligando para determinados números. Consulte em nosso site para saber se o seu está incluído.

Apesar de ter sido implementado em muitas cidades brasileiras, o sistema de talões e tíquetes impressos ainda continuarão valendo, não há previsão para descontinuar o serviço. Entretanto, os motoristas precisam se manter atentos para adquirirem os seus somente em estabelecimentos credenciados e em pontos de venda disponíveis nas proximidades da área demarcada como Zona Azul.

Se você está buscando por mais informações sobre este novo sistema, também pode consultar o site da CET que instrui os usuários através de um tópico com várias das dúvidas mais frequentes do momento.


Como Funciona Zona Azul Eletrônica

Já disponível em diversas cidades, o serviço de Zona Azul Eletrônica pode ser utilizado através de aplicativos que permitem a compra de créditos online. A novidade é uma boa forma de proporcionar mais comodidade aos motoristas e também evitar as fraudes que tem sido cada vez mais frequentes com cobranças de tarifas acima da tabela e falsificações de talões.

São Paulo foi a última cidade beneficiada com o novo sistema. No dia do lançamento foram adquiridos mais de 7.000 tíquetes e três aplicativos estavam disponíveis para o uso da população para atender quase 40 mil vagas rotativas que estão espalhadas pela cidade.

Como funciona Zona Azul Eletrônica

Zona Azul Eletrônica: Como Funciona

Para utilizar os aplicativos, o motorista precisa fazer o download e se cadastrar com dados como: CPF, e-mail, número do celular, cartão de crédito e as placas dos veículos que possui. Os preços variam de cidade para cidade. É importante que você verifique como o serviço funciona em seu município, alguns aplicativos não oferecem cobertura dependendo de onde você mora.

Vaga Inteligente (Android e iOS)

Para iniciar o uso do aplicativo Vaga Inteligente faça o seu cadastro no site oficial clicando em “Faça o seu login” e “Cadastre-se”, ou através do próprio aplicativo, utilize a opção “regularizar o veículo” para inserir dados do seu automóvel. Ao selecionar “comprar créditos”, você insere o número do seu cartão de crédito e pode escolher entre valores que variam de R$10 a R$200.

Quando seus créditos já estiverem disponíveis a forma de saldo, ao estacionar em uma vaga de Zona Azul, abra-o e selecione a opção “Utilizar Zona Azul”. Se você estiver cadastrado mais de uma placa, será aberta uma janela permitindo que você escolha aquela correspondente para o momento. Após selecionar o tempo desejado você já poderá finalizar o processo de conclusão de sua compra.

Há ainda uma função que envia ao usuário um alerta avisando de que os seus créditos estão esgotando, assim poderá optar por fazer uma nova recarga (respeitando o tempo limite máximo indicado no local) ou retirar o veículo da vaga ocupada.

SP Cartão Azul Digital (Android)

Para utilizar o Estacionamento Eletrônico ou SP Cartão Azul Digital, você basicamente deverá seguir os mesmos passos indicados para o aplicativo anterior, a diferença é que se você já é um usuário do Bike Sampa, poderá fazer o login utilizando o mesmo e-mail e senha ter acesso ao aplicativo.

Com o app já aberto, você deverá cadastrar o número do seu cartão e escolher entre valores que variam de R$10 a R$30. Ao parar em uma vaga Zona Azul, você deverá tocar sobre a opção “Ativar o Tíquete”. Uma tela aparecerá exibindo os valores para a ativação, você deverá escolher a opção que lhe é mais conveniente. Assim como o Vaga Inteligente, você também pode programar a opção de alerta com o aviso de que o seu cartão virtual está próximo de expirar.

DigiPare (Android)

O aplicativo DigiPare somente está disponível para aparelhos que utilizam o sistema Android na capital paulista. O aplicativo é bem intuitivo e possui uma interface amigável aos novos usuários, você não sentirá dificuldades ao utilizá-lo.

O menu lateral do aplicativo exibe opções onde é possível registrar os dados de seu veículo. No painel de controle do aplicativo você terá acesso a um módulo chamado “Compra de Créditos”, os pagamentos podem ser feitos através de cartões de crédito ou boletos bancários, os valores exibidos variam de R$10 a R$50.

Você também pode enviar uma mensagem de SMS para o numero 27317 com a frase: DIGIPARE + PLACA DO VEÍCULO + TEMPO EM MINUTOS ou acessar o endereço: http://www.digipare.com.br/mobile.

Como é feita a fiscalização do sistema eletrônico de pagamentos?

Com o novo sistema para pagamento eletrônico a tendência é que cada vez menos pessoas utilizem os talões. Dessa forma, os comprovantes que ficavam localizados no painel do carro para a fiscalização dos agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) aos poucos serão substituídos pela forma eletrônica que contará com um equipamento eletrônico permitindo saber em tempo real a condição dos veículos estacionados nas vagas rotativas, assim o agente poderá fazer a autuação do motorista infrator.


Zona Azul Eletrônica Petrolina

Petrolina é um município do interior do estado de Pernambuco e fica localizado distante da capital estadual Recife, a 712km para o oeste. A caatinga é a vegetação nativa e predominante, o município possui uma taxa de urbanização de 74,57% e cerca de 140 estabelecimentos de saúde. Assim como aconteceu em várias cidades do Brasil, para modernizar e tornar os serviços mais eficientes, houve a implantação da Zona Azul Eletrônica, sendo mais uma alternativa aos meios tradicionais de recarga de créditos.

Por se mostrar eficiente e intuitivo, o sistema eletrônico vem se tornando cada vez mais popular, mas não é todo mundo que sabe como utilizá-lo, por isso neste artigo, vamos disponibilizar um tutorial completo para que você aprenda a fazer a ativação de seus tíquetes através de seu Smartphone.

zona-azul-eletronica-petrolina

Zona Azul Eletrônica Petrolina – Ativação de tíquetes

Você pode fazer a ativação de tíquetes de diversas maneiras:

– Pagamento em dinheiro através das monitoras;

– Dirigindo-se até os pontos de vendas credenciados para a compra em dinheiro;

– Através do portal de voz com ligações, neste caso o usuário deverá estar cadastrado no site da Mobilicidade e poderá fazer o pagamento utilizando o cartão de crédito.

Ao iniciar o seu cadastramento, você deverá informar no site um e-mail válido para contato, placa do veículo e o celular de uso diário. É possível cadastrar mais de uma placa (caso tenha mais de um veículo) em uma única conta. O  site exige que o usuário aceite os termos de uso para conclusão do processo.

Ao estacionar em uma das vagas da Zona Azul de Petrolina, o motorista deverá entrar em contato com o portal de voz da empresa para começar a utilizar os seus créditos, ligando para o número: (87) 3862-6126.

Aqueles que tiverem cadastrados no site serão automaticamente identificados pelo sistema que deverá solicitar a ativação dos tíquetes ou consulta a outras opções, como saldos, acesso a outras placas e etc. O tíquete será emitido conforme o tempo escolhido após a sua confirmação e pode ser consultado pelo site da Mobilicidade.

O débito será feito nos saldos dos créditos já adquiridos pelo usuário. Com isso o motorista não precisa posicionar o comprovante no painel do veículo. Na opção “Extratos” você poderá visualizar o comprovante para fazer o controle.

Os agentes de trânsito farão a fiscalização utilizando equipamentos eletrônicos que permitem saber se houve ou não o pagamento das tarifas, e o tempo que resta para que o veículo permaneça estacionado na vaga. Caso seja identificada alguma irregularidade, a autoridade local terá o apoio total para fazer cumprir as penalidades cabidas, conforme o código de trânsito.

Além dos aplicativos destinados ao uso de tíquetes eletrônicos por pagamentos em cartão de crédito, o usuário também pode fazer a adesão aos créditos on-line.

Download do aplicativo para ativação de tíquetes

Os aplicativos são alternativas interessantes que funcionam de maneira mais simplificada que o portal de voz. Através deles já é possível adquirir seus créditos e fazer a ativação instantânea dos tíquetes para Zona Azul.

Você tem algumas vantagens extras como, por exemplo: marcar o local do veículo para que a sua localização seja feita de maneira mais rápida via GPS, além disso o usuário pode programar um alarme que avisa sobre o vencimento dos tíquetes digitais informando-o que deve fazer a retirada do veículo da vaga, ou fazer a recarga para continuar a utilizá-la.

Para Android, o download pode ser feito via Google Play. Já para quem utiliza o sistema iOS, deve visitar a página da Apple Store. Não foram informadas sobre versões para Windows Phone, entretanto, os usuários desse sistema ainda podem utilizar o portal de voz para usufruírem do sistema digital ou adquirir os seus tíquetes e talões consultando os pontos de venda credenciados.

Quem está com problemas pode entrar em contato com a empresa através do endereço e telefone:

Mobilicidade Tecnologia Ltda.

Rua Dr. José Maria, nº 100 • Centro;

Petrolina/PE • Brasil;

Fone: +55 87 3862-6126.


Zona Azul Eletrônica em Guarulhos

Este ano, Guarulhos passou por mudanças no sistema de cobranças de tarifas da Zona Azul. São três opções de tempo que poderão ser escolhidas pelos condutores que resolverem estacionar nas vagas rotativas espalhadas pela cidade.

Para estacionar durante o período de 30 minutos, o valor cobrado será de R$1,25; o valor cobrado para uma hora é de R$2,50; já para quem optar por ficar 2 horas (o tempo limite) deverá desembolsar R$4,00. A Câmara Legislativa cortou as alternativas disponíveis de 40 minutos e uma hora e quinze.

Desde 2008 a Zona Azul em Guarulhos não teve reajustes, ela foi criada no ano de 1977 como Projeto Azulão. Seu principal objetivo é estimular a rotatividade de vagas em locais com alta demanda e otimizar o fluxo do trânsito.

Zona Azul Eletrônica Guarulhos

Guarulhos conta com 38 pontos de venda credenciados da Zona Azul Eletrônica, sendo que o usuário pode se deslocar até o local e fazer a adesão dos seus bilhetes, indicando a placa do veículo e o tempo que deseja permanecer no local. Para complementar ainda mais esse serviço, também são oferecidos 63 parquímetros que estão distribuídos ao longo das vias, neste caso, após a impressão do bilhete, o usuário terá de retornar ao veículo para o posicionamento do comprovante no painel e em local visível.

Conheça a Zona Azul Eletrônica de SJC e a Zona Azul Eletrônica de Florianópolis

Zona Azul Eletrônica Guarulhos

O usuário interessado em utilizar o sistema eletrônico deverá fazer o seu cadastro e aquisição de créditos através do site: http://www.mobilicidade.com.br/guarulhos/. Ele terá que fornecer algumas informações como e-mail, celular e placa do veículo. É possível cadastrar mais de uma placa.

Após fazer a compra de créditos, você deverá entrar em contato com o portal de voz através dos números: (11) 4063-1929 ou 2626-7361. Com o seu cadastro já ativo no site, o sistema identificará automaticamente o seu perfil e lhe fornecerá a opção para ativar o seu tíquete. Basicamente todas as informações de que você irá precisar serão fornecidas neste momento, para a conclusão, basta que siga atentamente as recomendações indicadas.

Os usuários ligarem de um aparelho não cadastrado será direcionados para a identificação,  onde deverá fornecer informações como a senha e o número do celular.

Ao confirmar a ativação do seu tíquete, já é possível fazer as suas atividades normalmente. Um comprovante será emitido e ele poderá ser consultado na página da Mobilicidade de Guarulhos.

Não existe a necessidade de posicionar nenhum tíquete no painel ou pára-brisa do veículo ao optar pelo sistema eletrônico.  O valor debitado será em conformidade com o tempo escolhido.

Através dos terminais portáteis de consultas on-line, os agentes de trânsito poderão fazer a fiscalização de todos os veículos que estão estacionados na Zona Azul para identificar as suas condições. Se for constatada alguma irregularidade, ele poderá aplicar a multa conforme o código de trânsito.

Caso ultrapasse o tempo adquirido, pode fazer a adesão a novos tíquetes, entretanto, é importante respeitar o tempo limite máximo estipulado para o uso das vagas. Você ainda pode optar por fazer o uso dos aplicativos que estão disponíveis tanto para Android, via Google Play, quanto para iOS, através do site da Apple Store.

Esses aplicativos possuem funções extras muito interessantes, e através deles você pode adquirir créditos e utilizá-los com apenas um toque. Além disso, também é possível marcar a posição do seu veículo para identificá-lo mais facilmente através do GPS, uma função muito útil para cidades grandes e que possuem um fluxo de carros muito alto. A versão tanto para Android, quanto para iOS disponibiliza um alarme para lembrar os motoristas de que os seus créditos estão prestes a expirar e que ele deve retirar o veículo da vaga ou fazer uma nova recarga.

Em caso de dúvidas, críticas ou sugestões utilize a opção “Fale Conosco” disponível no site e envie a sua mensagem, o contato com a equipe também pode ser feito através dos telefones: (11) 2087-3974 / 2087-1795.